A líder do PSOL na Câmara dos Deputados, Fernanda Melchionna (PSOL-RS), protocolou na tarde desta terça-feira (17) uma indicação de crédito extraordinário ao Poder Executivo em favor do Estado do Rio Grande do Sul para alocação em programas e ações do Sistema Único de Saúde (SUS) e do Sistema Único de Assistência Social (Suas). Os recursos devem ser utilizados para o combate da epidemia de Covid-19.

O documento registrado na Câmara recomenda a liberação de R$500 milhões a serem alocados em programas e ações do SUS e de R$7 milhões para o Suas. A deputada justifica a indicação com o fato de que o Rio Grande do Sul passa por uma crise econômica histórica que se atesta pelo parcelamento dos salários dos servidores e pelas negociações para adesão da unidade federativa ao Regime de Recuperação Fiscal desde pelo menos 2019.

“É preocupante que o SUS esteja funcionando sem reserva de recursos e é necessário que ele possa funcionar com plena capacidade neste momento. Além disso, qualquer política pública para contenção do vírus deve considerar a imensa massa de desempregados e trabalhadores informais que serão afetados em caso de isolamento compulsório. Por isso, o Suas precisa ter mecanismos de transferência de renda durante o período de crise sanitária”, explica Fernanda.

Cadastre-se para receber informações do mandato e novidades sobre as nossas lutas!

Vem ser PSOL!

Os tempos difíceis nos exigem muita capacidade de luta e organização! Vem ser PSOL e fortaleça a luta contra o governo Bolsonaro!

Quero me filiar

Copyleft © 2020 Fernanda Melchionna
O conteúdo deste site, exceto quando proveniente de outras fontes ou onde especificado o contrário, está licenciado sob a Creative Commons by-sa 3.0 BR.